Skip to main content

Quando o assunto é nome de pessoas de origem portuguesa provavelmente os mais tradicionais como Miguel e Maria vem na sua cabeça, no entanto, quando o papo muda para sobrenomes de descendentes de portugueses não é tão imediato a resposta, não é mesmo? Porém, não se preocupe. Hoje você vai conhecer os mais comuns e sua origem neste post.

Portugal Simples

O episódio do Brasil colonizado por Portugal obviamente é o principal fator para termos tão presentes essas características de descendência portuguesa, porém é o fato de que no século Xll as famílias europeias tinham o hábito de manter o mesmo sobrenome para todos os seus descendentes, o que ocasionou esta demanda de Ferreiras, Silvas e muitos outros que vamos ver por aqui.


A realidade é que sobrenomes como: Silva, Almeida, Ferreira, Teixeira carregam consigo toda nacionalidade portuguesa contida na sua história e consequentemente podem estar mais fixos em nossas mentes por isso, mas e alguns como: Dias; Oliveira e Sousa, que estão bem presentes e muitas vezes são confundidos com sobrenomes de origem brasileira. O fato é que conseguimos reconhecer uma pessoa que tem descendência portuguesa apenas pelo nome e sobrenome, no entanto, vale ressaltar que somente isso não garante dupla cidadania. Uma dica pra você que quer descobrir mais sobre a origem e história do seu sobrenome, existe um portal muito interessante chamado Forebears, https://forebears.io/pt/surnames lá você encontra muita informação interessante, além de quantas pessoas no mundo possuem um sobrenome igual o seu.
Consulte agora

Confira alguns dos principais sobrenomes com descendência portuguesa e sua origem:

  • Almeida – Tem sua origem ligada à Freguesia Almeida, localizada nordeste de Portugal;
  • Silva – Origem ligada à Torre da Silva, localizada na cidade de Valença;
  • Ferreira – Tem sua origem na Península Ibérica e é arremetido a ferro, mina;
  • Pereira – Proveniente da Quinta de Pereira, localizada em Vermoim, norte de Portugal;
  • Gonçalves – Sobrenome utilizado para descendentes, ou pertencente, de algum Gonçalo;
  • Rodrigues – Sobrenome utilizado para descendentes, ou pertencente, de algum Rodrigo;
  • Sousa – Originário da terra de Sousa, localizado em Foz do Sousa;
  • Fernandes – Sobrenome utilizado para descendentes, ou pertencente, de algum Fernando;
  • Oliveira – Originário das pessoas que ocupavam Paço de Oliveira, na freguesia de Santa Maria de Oliveira;
  • Gomes – Com significado de “Homem de Guerra”, estimam que tem sua origem proveniente de alguma abreviação de visigodo Gomoarius;
  • Alves – Derivado do nome próprio “Álvaro”;
  • Costa – Originário da Quinta da Costa, localizado na Comarca de Guimarães;
  • Pinto – Originário português, dizem que surgiu a partir de uma metáfora ao reino animal;
  • Carvalho – Originário de Morgado de Carvalho, em Coimbra;
  • Teixeira – Estima-se que surgiu a partir de uma região farta do espécime de árvore “Taxus Baccata”, no século Xll;
Embora seja um dos principais indícios de descendência portuguesa, o sobrenome por si só não te da direito à dupla cidadania. Segundo o Consulado Português do Brasil, é necessário alguns outros dados e processos para que você possa requerer a nacionalidade portuguesa.

No entanto, o primeiro passo é conhecer a sua ancestralidade é por meio de uma pesquisa genealógica para descobrir se você tem direito ou não a naturalização em Portugal. Hoje, a Lei de Nacionalidade portuguesa permite que descendentes de Judeus Sefarditas possam requerera nacionalidade portuguesa e ter direito a cidadania portuguesa, assim como netos de portugueses residentes no exterior.
Entre em contato com nossos especialistas por algum dos nossos canais e nós vamos te acompanhar em todo seu processo de requisição para a tão almejada cidadania portuguesa!

Leave a Reply

Fale Conosco