Skip to main content

Todo mundo alguma vez na vida já teve curiosidade sobre a sua própria história. Conhecer mais sobre seus avós, bisavós, assim como qualquer outro parente distante com o qual tiveram pouco ou nenhum contato. Acontece, que a pesquisa genealógica é um dos principais responsáveis por te dar essas e muitas outras respostas.

Seja para fins mais simples, como os citados acima, tal como os mais complexos, por exemplo, para aquisição de dupla cidadania ou algum estudo voltado para localização de alguma anomalia/informação genética, o estudo genealógico será o principal caminho para atingir o seu objetivo. No entanto, qual é a importância da pesquisa genealógica? E o processo para realizá-la? Veja simplificado neste post.

A diferença entre pesquisa e árvore genealógica:

A pesquisa genealógica, ou estudo genealógico, é responsável pelo levantamento de informações, documentos e registros que comprovam o vínculo de um individuo com pessoas do passado, conhecidos como ancestrais. Ou seja, é responsável por estudar a origem de uma pessoa ou família.

Já a árvore genealógica é a organização estrutural de dados obtidos através destes estudos. O nome é dado devida a semelhança da estrutura com as ramificações de uma árvore. Portanto, embora um seja derivado do outro, possuem essa diferença no seu conceito.

A importância da pesquisa genealógica.

Já vimos um pouco dos benefícios deste estudo, porém, a principal importância é descobrir mais sobre a sua história. Independente se você irá usá-lo para um trabalho de escola/faculdade, pra compartilhar com a família e os amigos ou até mesmo para solicitar dupla cidadania em algum outro país, as descobertas adquiridas pela pesquisa genealógica poderão mudar a sua perspectiva familiar.

Além de informações, são vidas que de alguma forma estão conectadas com a sua existência. É imensurável a importância da genealogia na busca individual e coletiva, de cada pessoa ou família, pelas suas raízes familiares.

Como fazer minha pesquisa genealógica?

O ponto de partida é colher o maior número de informações e documentos sobre você e seus parentes próximos, por exemplo, os pais, avós, bisavós, etc. Estes dados irão nortear as suas buscas e direcionar melhor seus esforços. Uma dica é: explore um lado da sua linhagem por vez. Ou seja, comece por um gênero e depois explore o outro.

Os principais documentos são certidões de nascimento, casamento ou óbito, além de registros com importância semelhante a estes. Hoje existem canais que podem te auxiliar a encontrar informações, por exemplo:Family Search – plataforma gratuita que possibilita que você tenha acesso à informações e documentos de seus antepassados a partir do fornecimento de alguns dados.
Bibliotecas de Genealogia – existem ao redor do mundo algumas bibliotecas de genealogia que você pode ter contato com uma infinidade de informações genealógicas que podem te ajudar na sua busca. Um exemplo é a Biblioteca Genealógica de Lisboa.
Museu da Imigração – localizado em São Paulo, armazena registros importantes sobre imigrantes que vieram ao Brasil.
Arquivo Nacional – localizado no Rio de Janeiro, guarda registros de inúmeros imigrantes que passaram pelo Brasil e pode ser uma boa opção de busca.

Existem outros sites online e instituições que podem te ajudar na busca pelas suas raízes. Você pode optar também por contratar um profissional de genealogia para te auxiliar neste processo. Além de maximizar as chances de sucesso, você pode agilizar sua busca e diminuir as dores de cabeça que podem surgir no decorrer do processo.

Vamos explorar sua história?

Você que sonha em se tornar um cidadão português e adquirir sua dupla cidadania, ou até mesmo se você deseja saber mais sobre suas raízes, entre em contato com a gente. Nosso time de genealogistas irão te auxiliar na busca por informações sobre seus ancestrais e maximizarão as chances de êxito da sua busca.

Dê o primeiro passo rumo a descoberta da sua ancestralidade!

Leave a Reply

Fale Conosco